Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Calêndula

Dona do meu próprio nariz, usualmente caracterizada como louca.

Calêndula

Dona do meu próprio nariz, usualmente caracterizada como louca.

Sab | 29.02.20

...

Calêndula
De volta à minha escrita para refletir sobre um tema que perturba os meus 25 anos de idade. Apresento-vos as perguntas com que sou obrigada a lidar constantemente: “Onde estás a trabalhar?”, "Já não vives com os teus pais?", “A tua casa é alugada ou comprada?”, “Já tens namorado?”, “Quando vais casar?”, “E filhos?”. Perguntas na sua maioria colocadas de forma intrometida que esperam uma resposta simplesmente para colmatar um defeito que está presente em muitas (...)
Sab | 19.10.19

Modo piloto automático

Calêndula
Apresento-vos a imagem que descreve na perfeição a minha reação a perguntas como: "Que cara é essa?", "O que tens?" ou "Estás triste?". Lá porque normalmente sou uma pessoa cheia de energia, que gosta de interagir com os outros e tem sempre um sorriso pronto, não quer dizer que tenha que ser assim todos os dias do ano. De vez em quando é necessário activar o modo piloto automático e deixar a vida divagar ao sabor do vento. 
Seg | 14.10.19

A saúde é um privilégio

Calêndula
Amanhã é o dia. Era suposto ser só para novembro mas dado à urgência, assim que conseguiram arranjar uma vaga, ligaram-me a antecipar. Amanhã é o dia de ir fazer o temível exame. Isto de ser tão nova e já me ter que preocupar com doenças assusta-me. Já fui operada duas vezes, ambas as situações aparentemente simples mas que mexeram sempre comigo, e sei que quase de certeza vou a caminho da terceira. O que eu peço é que tudo isto passe rápido porque este sofrimento por (...)
Qui | 10.10.19

Círculo vicioso

Calêndula
Merda para esta nuvem negra que está por cima da minha cabeça e teima em não passar. Começamos pela saúde que insiste em dar-me preocupações e passamos para o trabalho que não me deixa descansar. Neste círculo vicioso, encontra-se também a família que continua a viver numa bolha que está cada vez mais perto de rebentar, os poucos amigos que estão longe e consequentemente mais afastados e o namorado que simplesmente não existe. Sei que preciso ir buscar forças a algum lado e (...)
Qui | 10.10.19

...

Calêndula
Sou triste. O que para algumas pessoas é um estado de espírito, para mim tornou-se uma característica. Sou triste e quase que parece que estou condenada a sê-lo para sempre. É só isto por agora. 
Qui | 03.10.19

Viajar é uma necessidade

Calêndula
Sabem aquela vontade de sair de casa, apanhar um avião e voar para um sítio longe daqui? Era só isto que me apetecia agora. Viajar, embora algumas pessoas não compreendam, é uma necessidade. Necessidade de mudar de rotina, de me afastar por um tempo das pessoas, dos meus pensamentos serem na sua maioria sobre o tempo, o hotel em que estou ou as atividades que vou fazer. Durante estes últimos anos tive a oportunidade de descobrir a Europa e conheci vários países. Comecei por (...)
Sab | 28.09.19

Pequenas frases que dizem muito

Calêndula
Durante o meu dia agitado de hoje ouvi uma frase que ficou na minha cabeça: "Ser difícil não quer dizer que seja impossível!". Nunca nada veio num momento tão oportuno e fez tanto sentido.
Qui | 26.09.19

Nó na garganta

Calêndula
Sabem aqueles dias em que dão por vocês a pensar naquilo que poderiam ser e não são? Dou por mim várias vezes a refletir sobre isto. Provavelmente até devem achar que é por não ter nada para fazer mas no fundo é apenas resultado do meu cérebro não conseguir parar. Nos minutos antes de dormir penso, nos minutos a seguir a acordar começo logo a pensar também. Pensando bem, até enquanto estou a dormir os pensamentos vagueiam pela minha mente. Das inúmeras coisas em que matuto, (...)
Qui | 26.09.19

Tempos livres

Calêndula
Para acabar este dia em que tanto me apeteceu escrever, falta só desabafar com vocês sobre o quanto preciso de arranjar alguma coisa que ocupe os meus tempos livres. Voltar a ter um blogue foi, sem duvida, uma excelênte ideia mas o facto é que preciso de mais. A minha vida mudou imenso nos últimos meses e se algumas preocupações se dissiparam, em contrapartida, outras novas surgiram. Preciso de algo para combater a tensão. Preciso de algo para me distrair. Preciso de algo para (...)